O amor está na mesa - Light e gostoso



Procurando pelas prateleiras da locadora uma boa comédia gastronômica? Seus problemas acabaram! Alugue O Amor Está na Mesa, do diretor francês Jean-Yves Pitoun, que também assina o roteiro. Divertida, leve, e com comida do início ao fim, essa é a pedida para o fim de semana em que você quer ficar quietinho em casa.
O filme conta a história de Loren (Jason Lee), jovem que sonha em ser cozinheiro e mostra seu talento na cozinha da Marinha americana. Ele arruma uma confusão com o chefão e resolver backpackear pela França. Uma coisa que você e eu faríamos na hora se estivéssemos sem emprego ou dinheiro, claro.
Loren vai tentar uma vaga no famoso restaurante de Louis Boyer (Eddy Mitchell). Não consegue, mas depois encontra o chef por acaso e acaba descolando a vaga.
Aí aparece Gabrielle (Irène Jacob), filha de Boyer, linda e francesa, por quem Loren se apaixona.
E vira tudo uma confusão. Fiscais, cobradores, críticos e clientes enloquecem os cozinheiros, que já não são muito normais, e se entende bem como acontecem as coisas em uma grande cozinha. Como pano de fundo está sempre a briga entre a culinária francesa e a americana. Preste atenção na participação especial de Michael Muller como o fiscal. Sensacional.
Estereótipos à parte, o filme dá uma boa idéia do clima de um restaurante três estrelas no interior da França: um chef-proprietário excêntrico e permanentemente estressado pelas pressões dos bancos, dos fiscais e dos críticos gastronômicos.
Então é isso, senão eu conto a história. Diversão garantida para os amantes da culinária e do cinema.
Mas é melhor reservar um restaurante para depois do filme, pois você vai acabar com água na boca. Ou, mãos à obra, você pode tentar a receita que Loren faz pra impressionar os críticos. Aproveita e faz bastante, porque no filme ele faz tão pouquinho...

Ravioli de Lagosta
Ingredientes

Massa e recheio
- 1kg de farinha de trigo
- 8 ovos inteiros
- 50 ml de caldo de galinha ou água
- raspas e suco de 1 limão
- 1 colher de chá de sal
- 1kg de carne de lagosta limpa, levemente cozida em água fervente
- farinha de trigo para polvilhar

Molho
- 2 colheres (sopa) de óleo
- 1 colher (sopa) de alho picado
- 1/2 xícara de chá de cebola picada
- 1/2 xícara de chá de gengibre fresco ralado
- 1/2 xícara de chá de cenoura em pedaços
- 1/2 xícara de chá de aipo em pedaços
- suco de limão
- 1 colher de chá de pimenta-calabresa
- 1 colher de chá de sal
- 1 litro de bisque de lagosta (sopa feita de casca de lagosta)
- 1/2 xícara de chá de coentro
- 1 xícara de chá de creme de leite

Modo de Preparo
Peneire a farinha sobre uma superfície plana, faça um vão no centro e coloque ali os ovos, o caldo, o suco e o sal. Misture com cuidado, em movimentos circulares de dentro para fora. Em seguida, amasse bem até obter uma massa lisa. Deixa separada por 10'. Depois abra a massa em folhas finas, na máquina. Coloque sobre uma folha pedaços de lagosta, deixando um bom intervalo entre eles. Cubra com outra folha de massa, feche bem as bordas e corte em círculos, usando um cortador de massa.
Para preparar o molho, refogue no óleo de oliva o alho, a cebola, o gengibre, a cenoura e o aipo. Acrescente o suco de limão, a pimenta e o sal. Mexa bem, adicione a bisque de lagosta e o coentro. Deixe por algum tempo no fogo e passe numa peneira. Leve ao fogo novamente e junte o creme de leite, deixe reduzir.
Cozinhe o ravioli em água fervente com sal por três minutos. Coloque o molho no fundo dos pratos, ponha do ravioli e sirva com lagosta, legumes e pontas de aspargos.

Nenhum comentário: