Tony Bourdain e a guerra


Ando lendo Tony Bourdain e me divertindo bastante. Já o fazia vendo seus programas de TV, que passam no Discovery Travel and Living. Ele tem um dos empregos mais bacanas que existem: é chef e viaja o mundo vivendo "aventuras gastronômicas", ou seja, comendo e bebendo do bom e do melhor (e também o que há de pior) por aí afora. Bem-humorado, bom escritor e tal. Um grande cara que estava filmando no Líbano quando a guerra estourou. E que escreveu um não tão engraçado texto sobre isso. Dá uma olhada aí no relato dele: a sensação de ver a cidade que ele mal começou a conhecer ser destruída da varanda do hotel, com um medo permanente de ser explodido junto com ela.

Nenhum comentário: