Voltei

Pois é. Nem acredito, mas agora mesmo teclo de Jardim da Penha outra vez, e isso me dá alegria e insegurança em doses iguais. Não tem mais La Plata, brie a 1 euro, tapa de jamón ibérico, cava no supermercado. Ok, tem coxinha, feijoada, churrasco, farofa. Mas tem no ar também aquela sensação de que nessa humilde Vitória, em troca, não tem quase nada...
Mas a verdade é que o tempo passou e trouxe um par de novidades, uma Veja O Melhor da Cidade, um japonês com ceviche no cardápio, a loja orgânica do Domaine aqui mais pertinho, um boteco bonitinho. Então é parar de reclamar da falta do manchego e mãos à obra.
A primeira boa notícia é que eu não estou mais sozinha. Descobri a Aline do Moqueca com Pimenta, que também mora aqui, gosta de falar e falar sobre as coisas boas da nossa culinária e já tá inventando até uma confraria.
Outra coisa boa é o Extra Plus, supermercado mais bacana que a média que chegou pertinho da minha casa e no Hortomercado (que logo ganha um comentário mais detalhado). E no de lá tem gente pra te dar conselhos por entre as prateleiras de vinhos, o João. Ele é boa-praça, ensina direitinho sem esnobar, faz degustações todo sábado e ainda faz de tudo para que se abandone a cerveja da praça de alimentação: resfria a garrafa que você escolher e até fornece taças para que se possa beber o vinho ali mesmo.
Foi assim, sem mais, que a Aline e o João me fizeram feliz com as possibilidades de Vitória. Bom, vamos ver no que dá.

Um comentário:

Anônimo disse...

Hola, Joana. He vist que ja has tornat a casa... Quan tornis a passar per Barcelona, no deixis d'avisar-nos. Jo continuo mirant de tant en tant el teu bloc. Bon Nadal! Pere Quer.