Tortas multimídia

Uma massa fininha de apoio, e tudo que a imaginação mandar de recheio. Tortas são coisas sensacionais, salgadas ou doces, simples ou complicadas, comfort food ou exóticas. E estão em todos os lugares, até nas telas, inhas e onas.
A torta é personagem coadjuvante de Pushing Daisies, seriado fofo/psicodélico/de humor negro exibido na Warner. O "fazedor de tortas" Ned (Lee Pace, separado ao nascer de John Cusack) tem o dom de trazer as coisas de volta à vida, podendo inclusive usar frutas estragadas na receita, mas não pode tocá-las novamente. Depois de descobrir isso na hora da morte de sua mãe, ser abandonado pelo pai num orfanato, usar seu "poder" para desvendar assassinatos e causar a ressurreição da namorada de infância, a gente entende bem sua predileção pelo stress baking (hábito de cozinhar sem parar quando se está nervoso, ansioso ou estressado).
O seriado acaba de ser cancelado no meio da sua segunda temporada, mas as lembranças de pilhas de tortas de ruibardo, morango, cereja - e até as tortas estranhas que a namorada Chuck faz para suas tias, recheadas de homeopatia e com uma crosta de gruyere ralado - vão ficar na memória. E, dependendo dessas receitas, habitarão com frequência meu forno...
Torta merece um Oscar também em A Garçonete, com a ex-Felicity Kerri Russel. Trata-se de uma comédia não tão água com açúcar sobre os sentimentos ambíguos de uma grávida que odeia o marido e que faz tortas para toda e qualquer ocasião. Tipo torta Eu odeio meu marido Earl, torta de chocolate amargo e caramelo. Ou Bebê gritando no meio da noite e arruinando minha vida, um cheesecake com nozes pecan e moscada.
Para que eu fui inventar de escrever tudo isso na hora que a despensa está vazia e o céu está caindo lá fora de tanta chuva eu não sei. Mas se você for uma torta, é bom sair da frente na próxima vez que me encontrar...




2 comentários:

Espiões da Gula disse...

Oie! Adorei o blog! As tortas realmente são maravilhosas! Beijos!

Jéssica - Espiã da Gula

joana pellerano disse...

Oi, Jéssica.
Obrigada pela visita. E se precisar de uma espiã honorária, é só falar!