São Paulo, São Paulo

Janeiro é um mês lindo em São Paulo. Claro que tá chovendo demais, e faz calor demais, mas tem gente de menos finalmente (ok, não tem gente de menos, tem o que deveria ter, mas não vamos começar a década reclamando...). Bem melhor pegar ônibus com lugar pra sentar, diminuir o trajeto casa-trabalho em 40 minutos e conseguir sentar no restaurante sem esperar!
Em janeiro São Paulo também faz aniversário. Dia 25, 456 anos.
E, em janeiro eu faço um ano de São Paulo. Gente, um ano. Cheguei no dia 16 de janeiro passado, e parece ao mesmo tempo que foi ontem e há vinte anos.
Janeiro fica eleito oficialmente o mês de São Paulo no meu calendário interno. Então antes de ficar sentimental e sair comendo em cantinas, traçando o sanduíche de mortadela do mercadão e o de pernil do Estadão, vou traçar uma meta: até o fim do mês comemoro a ocasião em um lugar bacana. A questão é qual. Será que o Fasano divide em 10 vezes sem juros?

3 comentários:

falandoabobrinhas disse...

kkkk em 10 vezes talvez não, mas que é uma ótima desculpa, isso é. Parabéns Jo, que venha esse ano cheio de comidinhas deliciosas

joana pellerano disse...

Olha só a Luana de blog!

falandoabobrinhas disse...

Essa aula de inteligência deu frutos!