O dia em que a comida congelada salvou a minha vida

Sem perceber eu virei uma dona de casa moderna. Não tenho filhos, jornada tripla, essas coisas, mas ainda assim tenho que comer e ando sem tempo (e vontade, confesso) de cozinhar coisas incríveis para jantar. Fora que passei a trazer o almoço pro escritório. Sem opções e cansada de pedir pizza ou pagar caro por bife com salada no restaurante da esquina, parti para as maravilhas da comida congelada. Mas não parei naqueles TV dinner do supermercado: comecei a cozinhar no fim de semana e congelar tudo.
Comida congelada ainda enfrenta muito preconceito. Dizem que não é saudável, que não é gostoso. Mas não é bem por aí. Você pode cozinhar o que gosta, emagrecer receitas e deixar prontinho para comer, sem a desculpa de cansaço e preguiça. Além do bolso, a saúde agradece bastante.
Para começar, vale congelar o que sobrou mesmo. Fez molho de tomate demais? Coloca em forminhas de gelo e, quando estiver tudo congelado, guarde os cubinhos em sacos plásticos. Sobrou feijão? Potinhos no freezer. Até arroz aguenta bem.
Depois arrisque mais e pesquise umas receitas. Lasanhas (confira receita abaixo), almôndegas e chillis são ótimas. Faça aquela compra caprichada para se abastecer de opções: vegetais, massa, frango, carne, promoção de peru de Natal, vale tudo. 
Com a comida pronta, divida tudo em porções. É um jeito bom de manter a dieta em dia e não desperdiçar comida. Fora que porções menores são mais fáceis de organizar no freezer, que geralmente é pequeno.
Aí é só ficar ligado nos pontos básicos, tipo deixar a comida esfriar antes de colocar no freezer, descongelar na geladeira e não em temperatura ambiente, não recongelar nada. Etiquetar a comida e ficar de olho no prazo de validade também é essencial. E dicas são sempre bem-vindas (confira o que escreveu a Vida Simples e o Terra).
Aliás, são tão bem-vindas que aceito as suas. Venha me contar receitas que farei todas. Deixo aí uma pra encorajar...

Lasanha de tomate, manjericão e presunto
Rendimento: 9 porções

Ingredientes:
5 dentes de alho
450 gramas de queijo cottage light
1/2 xícara de cream cheese light
1/4 xícara de parmesão recém-ralado
4 colheres de chá de manjericão desidratado
1/2 colher de chá de pimenta-do-reino ralada
1 ovo grande
750 ml de molho de tomate light
12 folhas de massa de lasanha
1 xícara de presunto ralado
1 xícara de mussarela ralada

Preparo:
Triture o alho no processador de alimentos. Acrescente o cottage e bata por 2 minutos. Coloque cream cheese, 2 colheres de sopa de parmesão, manjericão, pimenta e ovo. Bata bem até ficar cremoso.
Para montar, escolha uma travessa de uns 30 x 30 cm. Unte com um pouquinho de azeite e coloque 1/2 xícara de molho de tomate. Coloque 3 folhas de massa e cubra com 1 xícara do creme de queijo, 1/3 de xícara de presunto e mais 3/4 de xícara de molho de tomate. Repita tudo, terminando com massa. Cubra com o resto do molho de tomate e com uma mistura da mussarela com o parmesão. Pode ser congelada por até um mês. Depois pode ir direto por forno a 200, 250ºC coberta com papel alumínio, 50 minutos. Tire o papel e deixe mais uns 5 minutos.


3 comentários:

Melissa S. disse...

Nossa, Jojo, to muito orgulhosa desse seu post :). Já to colocando link do meu... Bjs

Maria disse...

Adorei o post e as dicas!! Já gravei tudo aqui e usarei no blog e na cozinha na primeira oportunidade!

Luana Budel disse...

Joana!! Cozinhando e postando receita, que chique! Esse seu freezer deve estar um espetáculo.